sábado, fevereiro 24, 2007

[pertenço ao espaço
entre o instante
e o passado. de um
lado a correnteza,
e do outro, essa
incerteza cristalina
que embaça as lentes
dos meus óculos
quando olho
pra algum relógio
]

13 compartilhando!

Anonymous Poeta Matemático ,

Um perfeito retrato de mim...

fevereiro 25, 2007 8:03 AM  
Anonymous bruna maria ,

Parace longe do futuro...

Beijos!

fevereiro 25, 2007 11:06 AM  
Blogger Ivã Coelho ,

O tempo, este companheiro cruel e indispensável.

Tá na veia, o poema.

Beijos, poeta.

fevereiro 25, 2007 3:37 PM  
Blogger Juliana Marchioretto ,

lindo, flor!!

beijo

fevereiro 26, 2007 11:09 AM  
Blogger Cristiano Contreiras ,

Pertence aos próprios vazamentos dos seus sentires.

fevereiro 26, 2007 3:59 PM  
Anonymous moacircaetano ,

é que o tempo é líquido, e sublima...

fevereiro 26, 2007 8:12 PM  
Blogger Jefferson P. ,

Verdadeira página daquilo que tbm sinto pertencer...

bjo grande

jf p.

fevereiro 26, 2007 10:40 PM  
Blogger Alequites ,

...entre o instante, o passado e por vezes o futuro.
Beijos!

fevereiro 27, 2007 10:50 AM  
Blogger Mônica Montone ,

Me lembrou Clarice :O)! Bonito!!!

beijos e boa semana,

MM

fevereiro 27, 2007 3:08 PM  
Blogger Césped Vesper ,

A própria vida,a linha do tempo, se embaçam às vezes.
Mas como é bom ainda assim!

fevereiro 27, 2007 4:25 PM  
Blogger Aline ,

Lindo.
Como sempre.

Ainda mais com a foto maior :)

Beijo.

março 03, 2007 11:18 PM  
Blogger Ricardo Imaeda ,

a imagem é muito bonita, embaçada ou não pelas lentes, névoas, lágrimas...
um abraço,
ricardo

março 11, 2007 10:50 AM  
Blogger Tiago Azevedo de Aguiar ,

houve um belo dia
que espelhei o que recebi
que talhei o que sofri
o meu sentir em tela não poderia ser pior, quadro de uma frustração
me vi como um mediocre
e em tamanha mediocridade, me vi como sou
pedi para esquecer
depois para lembrar
e sorri
o relogio me curou

março 13, 2007 2:37 AM  

Postar um comentário

<< Home